Menu

Após quase 35 anos à frente de uma das bandas mais idolatradas do Brasil, Bell Marques se despede, no Carnaval de 2014, do Chiclete com Banana. O cantor, que anunciou seu desligamento do grupo em setembro de 2013, seguirá carreira solo a partir da terça-feira, 4 de março, quando puxa o Vumbora, bloco que lança esta nova etapa de sua vida profissional, às 22h, no circuito Barra-Ondina, em Salvador.
O nome do novo bloco faz referência clara a um dos maiores sucessos de Bell Marques como líder do Chiclete com Banana, a música Vumbora Amar, que continua no repertório. A faixa, inclusive, uma das mais conhecidas de sua trajetória, ganhou nova versão em pot-pourri com outro grande sucesso, Savassi, e a inédita Vumbora Vumbora. O medley faz companhia a Nicolau,Amor Bacana e Louco Amor no novo CD do músico, gravado em Salvador já com a nova banda.
À frente do Vumbora, Bell Marques promete um dos momentos mais importantes deste Carnaval. Milhares de Chicleteiros e fãs de todo o Brasil estarão à espera de sua passagem pela Barra e, durante o circuito, pelos camarotes. Sabendo da importância do momento também para sua carreira, o artista preparou surpresas para o público e homenagens merecidas a quem sempre lhe foi inspiração, como Carybé e Dodô e Osmar.
O artista plástico argentino Hector Bernabó, conhecido simplesmente por Carybé, ganha homenagem nos abadás do bloco, que serão impressos com uma das quatro estampas exclusivas que o artista fez pra Bell em bandanas únicas. Enquanto isso, os antigos Carnavais, celebrados nas vozes de figuras como Dodô e Osmar, Moraes Moreira e Cia., ganham “festa” no repertório, que promete recapturar a história da música baiana, da qual o cantor faz parte. Vassourinha, Chame Gente ePombo Correio são canções confirmadas no percurso.
Além de relembrar o passado, Bell Marques promete versatilidade da Barra a Ondina. Músicas do Chiclete com Banana, eternizadas em sua voz, entram na trilha e o artista promete ainda uma releitura de grandes sucessos da Música Brasileira, de Sandra de Sá a Raul Seixas, do Samba ao Rock, passando pelo clássico.
AVE MARIA – Falando em clássico, Bell Marques anunciou que a primeira música que cantará em carreira solo, ainda na frente do Farol da Barra, será a religiosa Ave Maria, versão de Charles Gounod. “A música entra no repertório como um agradecimento por tudo de bom que me aconteceu nos últimos 30 anos e também, como um pedido de proteção para os que estão por vir, em carreira solo”, explica o cantor, que chega com uma base musical preparada para desafios como esse, com trio de metais, violoncelo e violino.
“Estou muito tenso, mas também muito motivado e feliz com essa nova fase que está para começar. Tem sido muito gratificante o carinho do público nos últimos meses e, sem dúvida, foi um grande motivador desses novos passos. Tenho certeza de que será uma festa muito bonita e bastante emocionante. Espero conseguir cantar e, quando não conseguir, contar com a voz do público”, avisa Bell Marques, sabendo da emoção que sentirá.

Destaques

 
Topo