Menu

Seis dias de festa e mais de 60 atrações, sendo 40 delas animando o palco principal. Em 2014, o São João de Santo Antônio de Jesus reforçou o título de sediar “O Melhor São João da Bahia”, promovendo uma festa que esbanjou boa estrutura e uma programação de peso, que ganhou um brilho especial pela linda decoração em toda cidade. A festa, que aconteceu do dia 19 a 24 de junho, atraiu mais 90 mil por dia e contou com shows de artistas consagrados nacionalmente, a exemplo de Thiaguinho, Luan Santana, Pablo, Michel Teló, Amado Batistas, Adelmário Coelho, Calcinha Preta, Limão com Mel, entre outros. Na noite do último dia do evento (domingo 24), o palco foi animado pela banda “Os Tiões”, “Farol de Milha”, “Flor de Maracujá”, “Revelação”, “Bell Marques”, “Saia Rodada” e “Gean Mota”.
Uma área de 30 mil m² foi montada com praça de alimentação expondo opções variadas de bebida e lanche. Com dois palcos, instalados lado a lado, as apresentações aconteceram de forma sequenciais, diminuindo as possibilidades de atrasos nos shows. Montados com equipamento de som e luz de última geração, telões, iluminação cênica, o espaço contou ainda com centenas de  barracas cenograficamente ornamentadas, tendas para eventualidades como a chuva, além de uma equipe de engenheiros, arquitetos, corpo de bombeiros, polícia militar e órgãos da prefeitura que estiveram responsáveis pela vistoria permanente.
Fazendo jus a uma programação genuinamente junina, o São João de Santo Antônio de Jesus, contou com outros atrativos. Paralelo aos shows que estavam acontecendo na praça, o público curtia outras opções de entretenimento, formando um verdadeiro circuito junino. O Cantinho da Roça expôs artesanato local, comidas típicas, além de sediar uma atrativa feira com produtos da culinária regional. A Vila do Forró também foi destaque na programação do evento trazendo a história da tradição dos Trios Nordestinos. Já na Vila do Turista foi um espaço montado para encantar aqueles que visitaram a cidade, valorizando o público local, oferecendo atrativos diversificados em uma única região. Instalado fora do circuito onde acontecem os shows, a Vila do Turista contou com uma ornamentação que simulou uma cidade cenográfica, imitando uma genuína cidade do interior, com apresentações de quadrilha, espaço do agricultor - que trouxe a exposição da agricultura local familiar – e a exposição de produtos típicos da região oferecendo aos visitantes, pura cozinha nordestina, como beiju, bolinhos, cuscuz, pé-de-moleque, mingaus, canjicas, milho cozido e assado.
 
Topo