Menu

O Museu du Ritmo recebeu neste domingo (12 de janeiro) o primeiro Sarau du Brown do ano. O evento capitaneado por Carlinhos Brown trouxe ao público música, moda e sua inovação já característica.

A festa começou com a apresentação da banda Lateral Elétrica, que recebeu o público com seu repertório de antigos carnavais, seguida da cantora Amanda Santiago em seu show Brasilady. A estilista Carol Brasil apresentou a coleção “Tons do Brown”, inspirada no Cacique do Candeal, em 15 looks de moda praia.

Os cantores líricos Tania Bastos, Larissa Lacerda, Rosalvo Barros e Eduardo Ghissoni, acompanhados de uma marionete de 4,70m do anfitrião especialmente criada pelo Grupo Giramundo, receberam Brown no palco.  O Cacique trouxe a público o repertório do seu disco novo, Marabô, além de composições já tradicionais do seu repertório, como Muito Obrigado Axé, Vilarejo, Ashansu e Selva Branca, entre outras.

Os bonecos do Giramundo foram a novidade da noite. Além da marionete do anfitrião, em formato gigante, bonecos da série “Os Orixás”, criada por Álvaro Apocalypse, fundador do grupo, fizeram parte do espetáculo. O robô Nasdac também acompanhou o Galo da Madrugada e a banda Didá no encerramento do evento.

Outra surpresa foi a participação de Quésia Luz e Amanda Santiago, revelando aos presentes uma homenagem ao compositor baiano Dorival Caymmi na voz das músicas “Passar uma Tarde em Itapuã” e “Pescaria”.

Os convidados da festa, Daniel, Guilherme Arantes e Lucy Alves aproximaram cerca de 3 mil pessoas das chamadas “músicas mais melódicas”, transformando o palco em um “festival de música romântica”, em palavras do cantor Daniel.

Tradição

Para encerrar a noite, não faltou o tradicional arrastão, capitaneado pela banda Didá, com participação do Galo da Madrugada e do robô Nasdac, do grupo Giramundo.

Destaques

 
Topo